Ministério do Turismo, Governo do Estado do Rio de Janeiro, Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa do Rio de Janeiro, Lei Estadual de Incentivo à Cultura, Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, Secretaria Municipal de Cultura, Riotur e Cidade das Artes apresentam:

Audiovisual, Música e Inovação no Rio2C

O Mercado no Rio2C é a oportunidade para participar de debates, fazer networking e business com os principais nomes de empresa nacionais e internacionais das áreas do audiovisual, música e inovação. E para entender melhor todas as oportunidades geradas durante o evento, nada melhor do que conversar com a Susana Campos, responsável pelo Mercado no Rio2C.

Conheça mais sobre os Mercados de Audiovisual, Música e Inovação.

Susana Campos é Head de Relações Institucionais e Mercado no Rio2C. Graduada pela Film & Television Executive Business/ESPM em 2005, Susana trabalhou para diversas produtoras e projetos audiovisuais, eventos, campanhas sociais e ambientais multiplataforma. Com mais de 20 anos de experiência em produções nacionais e internacionais.

Susana Campos

Entrevista com Susana Campos- Conheça o Mercado no Rio2C

1.A área de Mercado do Rio2C conta com as Rodadas de Negócios, Pitchings, debates e muito networking. Gostaria que você explicasse o que é o Mercado no evento Rio2C? E quais são os principais benefícios para as pessoas que participam?

Estamos sempre buscando novas dinâmicas para conectar e gerar negócios. O Rio2C oferece diferentes oportunidades nos mercados de audiovisual, música e inovação além das rodadas de negócio e pitching. 

Temos consolidado nosso pilar central que são as rodadas de negócio no mercado de audiovisual e inovação, oportunidade de conversa individual com pessoas que podem escalar seu projeto ou a sua ideia. A dinâmica é muito assertiva, as reuniões são agendadas pela plataforma, através de um sistema de matchmaking de interesses, garantindo encontros certeiros e produtivos.

Os pitchings são realizados para uma banca composta por executivos de grandes empresas, como por exemplo plataformas, canais, distribuidores no caso do mercado audiovisual; investidores e aceleradoras que apostam nas startups no mercado de inovação; e gravadores, empresários, diretores de festivais na música em busca de novos talentos. E o PitchingShow, é um formato inovador e de grande sucesso, aberto para inscrição de novos artistas e bandas da música, os selecionados terão a chance de se apresentar no palco do Rio2C.

É a oportunidade de conhecer pessoalmente e conectar com os executivos que os são tomadores de decisão, apresentar suas ideias a parceiros, testar, melhorar e viabilizar seus projetos. Além desse espaço de negócio, o Rio2C é o local ideal para conhecer diferentes pessoas da indústria criativa nacional e internacional, e ampliar o conhecimento através das palestras incríveis que falam sobre todos esses segmentos, discutindo o futuro e compartilhando as iniciativas inovadoras que vem se destacando.

2. O Rio2C 2022 já está batendo na porta, voltando depois de um ano sem evento, devido aos problemas gerados pela pandemia. O que o público pode esperar desta nova edição para o mercado de audiovisual, de música e de inovação? Teremos novidades?

Sim, teremos muitas novidades em todas as áreas. Esse período nos permitiu observar, conversar com parceiros e desenvolver novas dinâmicas para ampliar ainda mais as oportunidades para todos que participam do nosso encontro. 

Os mercados já consolidados voltam com ainda mais parceiros e players, e pensando nas mudanças e necessidades, criamos outros encontros dentro do mercado que permitirá um networking mais focado em interesses comuns.  No audiovisual, teremos workshop e encontros de networking com foco em coprodução regional e internacional.

Teremos as mentorias, agora ofertadas para todas as áreas, com executivos especialistas dos mercados de startup, audiovisual, música e game que estarão disponíveis para consultorias nas áreas de planejamento/gestão, empreendedorismo, financiamento/investimentos, propriedade intelectual. Qualquer empreendedor participante do Rio2C poderá se inscrever para uma mentoria rápida e conhecer mais daquela área com executivos experientes de grandes empresas.

Outra surpresa esse ano é a chegada de iniciativas no mercado nos segmentos de game, editorial e podcast. Estamos terminando de formatar as dinâmicas que será divulgada em breve, fiquem atentos as novidades.

3. A pandemia afetou muitas áreas de trabalho no mundo inteiro. E uma das áreas que foi bastante prejudicada foi o audiovisual. Como você vê o cenário atual desta categoria no Brasil? Acredita que o mercado está ficando aquecido novamente?

É verdade, a pandemia afetou muito toda a nossa indústria criativa. Aqui no Brasil nesse mesmo momento, entramos em um período de poucos recursos disponíveis, mas o mercado já começou a aquecer novamente.

Por um lado, a pandemia parou as filmagens, por outro lado entendemos a importância dessa produção criativa com o aumento do consumo de entretenimento audiovisual. Então sim, o audiovisual foi duramente prejudicado, mas em todo momento de crise aparecem novas oportunidades. E nesse mesmo período as plataformas de streaming chegaram e ocuparam esse espaço, investindo e desenvolvendo de projetos, fomentando novamente o mercado e ainda ofertando o produto brasileiro mundo afora.

Hoje, acompanhamos a volta dos editais de fomento e também percebemos que o conteúdo brasileiro é consumindo no mundo inteiro, ampliando ainda mais o mercado que pode ser trabalhado. Teremos vários encontros e debates que giram muito em torno de novos modelos de negócio, regulamentação, propriedade intelectual, formas de produzir e viabilizar um projeto. É importante debater novos caminhos em busca de uma indústria mais sustentável.

Susana Campos

4. Quais dicas você daria para produtoras de audiovisual que estão começando agora?

Diria que o mais importante é se preparar com antecedência.  Além das rodadas oficiais agendadas pelo sistema, você pode se conectar com todos os participantes do mercado através do Myrio2c, podendo marcar um café ou uma conversa rápida para uma primeira aproximação, o Lounge Audiovisual é o espaço perfeito para esses encontros.

Aproveite o conteúdo que disponibilizamos na página do mercado, tem muitos detalhes, invista tempo para conhecer um pouco melhor as pessoas que deseja conhecer pessoalmente no Rio2C 2022, veja a programação com antecedência, faça sua agenda e lista de pessoas que deseja se conectar. Realizamos uma série chamada Diálogos que está no canal do Youtube, e tem muita informação e dica para os produtores que estarão no Rio2C 2022. Vale a pena conferir.

Como tudo na vida, sempre que você está bem preparado consegue aproveitar melhor as oportunidades que aparecem. É um evento grande e com muitas oportunidades e distrações. Entenda seu objetivo e planeje, vá ao evento com foco, mas esteja aberto a todos os tipos de conexão.

5. No palco PitchingShow® já passaram grandes talentos brasileiros. Quais são os requisitos para participar e o que se pode esperar de retorno através da participação no Pitching?

O Pitchingshow é o formato único para novos talentos da música, e a inscrição é gratuita! Para participar da seleção basta preencher o formulário com as informações e uma gravação cuidadosa da performance ao vivo para avaliação da nossa comissão da música.

A escolha será feita através de uma pontuação lançada no sistema. Os mais pontuados serão selecionados pela curadoria para se apresentarem ao vivo no palco do PitchingShow por 30 minutos para uma plateia de executivos do meio musical que podem mudar a vida desses artistas.O Rio2C é um espaço democrático e está sempre em busca dos novos talentos com o propósito de gerar conexões e novas oportunidades.

Temos também muita novidade para os artistas e profissionais do mercado de música. Nesse ano teremos workshops de plataformas e mentorias rápidas de planejamento e gestão, empreendedorismo, investimento e propriedade intelectual que serão oferecidos ao longo do evento. Se você que é do showbusiness, fique atento que divulgaremos mais detalhes.

6. E para as startups que queiram participar das rodadas e pitching, quais as dicas para aproveitar da melhor forma possível todos os aprendizados e fazer um pitching arrebatador?

Esse ano trazemos dois diferenciais importantes para a estrutura do mercado. O primeiro é que as startups precisam estar alinhadas com as ODS da ONU, entendemos que as soluções criadas hoje precisam estar comprometidas com algum impacto positivo. Não buscamos isso como foco das Startups e sim como consequência das iniciativas, e o interessante é que muitas vezes as startups efetivamente impactam e nem percebem. É também uma provocação.

A outra novidade é que vamos aproximar os mercados da indústria criativa, teremos dinâmicas novas para unir a inovação trazida pelas startups e provocar a conexão com o mercado de audiovisual, música, game e editorial.

As inscrições para o mercado de inovação estão abertas, para pitching e rodadas de negócio. As mentorias e novas oportunidades serão divulgadas mais próximo ao evento.

Estamos ansiosos por reencontrar pessoalmente nossos participantes, palestrantes, executivos e conhecer ainda mais criadores de conteúdo e iniciativas de transformadoras e de impacto positivo. Nos vemos em abril no Rio2C 2022.